sábado, outubro 29, 2005

Pérolas na grande superfície




Não gosto de fazer compras nas grandes superfícies, prefiro as médias tipo Pingo Doce ou Lidl. Tudo está mais próximo e anda-se muito menos. Não nos acontece, por exemplo, chegar ao fim das compras e, depois de percorridos kms de corredores e de prateleiras, termos de voltar ao início porque nos esquecemos dos ovos. Mas, infelizmente, só nos hipermercados encontramos certos produtos e lá rumamos para comparar as fraldas dodot (que são mais baratas) ou o tal champô que não costuma haver nos outros. Sempre que visito uma destas catedrais do consumo dou uma saltada ao espaço dos CDs, à procura de saldos. Normalmente, encostado em qualquer canto, encontra-se uma espécie de um tanque de arame cheio de CDs dos mais variados tipos. É preciso ir com alguma paciência, mas às vezes acham-se autênticas pérolas a 8 ou 9 euros. Foi o que me aconteceu na última visita, entre o pior Pimba, o Pop mais comercial e o fadista mais pseudo-pós-moderno, encontrei Lamb, Sérgio Godinho, Vinicius, Tom Jobim… Mas já no fim, Pink Moon de Nike Drake e Ballads de John Coltrane. Uauu! O primeiro tinha gravado em K7 e há muito que não ouvia. O segundo já muitas vezes o tive na mão (noutros escaparates, é claro) mas acabou sempre por ficar atrás de qualquer outra escolha. São dois álbuns à medida desta estação outonal. Cada um, à sua maneira, embala-nos para uma certa liberdade nostálgica. Enfim, dito assim até parece um bocado foleiro. Mas pronto, foi o que me veio à cabeça. Afinal, tudo isto veio a propósito da minha última visita ao hipermercado…

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Site Counter
Bpath Counter

fugaparaavitoria[arroba]gmail[ponto]com