terça-feira, novembro 22, 2005

Baile de rua


Nas ruas de South Central, bairro suburbano de Los Angeles, os jovens exprimem através da dança a sua revolta contra a opressão latente e manifesta que vivem quotidianamente. Rize mostra-nos o outro lado do gueto. Jovens negros mascaram-se de palhaços ou escondem as faces em pinturas tribais e congregam-se em grupos que dançam até à exaustão. Libertam-se num êxtase de movimentos alucinantes que simulam actos de luta, guerra, sexo… Tudo começou com o palhaço Tommy the Clown que a seguir aos motins de Rodney King se lembrou de animar aniversários de crianças e de jovens por intermédio da dança. A música hip hop foi o mote para a criação de um novo estilo de baile denominado de clowning. Posteriormente surgiram outros estilos “rivais” como o krumpig. No entanto, apesar das variantes, a regra base passa pela expressão de uma improvisação corporal frenética e libertadora. Algumas imagens destes bailados de rua são de uma beleza tocante. Durante o tempo da dança os becos do gueto parece que ganham uma aura que os imuniza face à violência dos dias. Rize é uma pequena esperança que se manifesta em cada corpo dançante. Representa, por isso, o último reduto da liberdade individual daqueles jovens.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Site Counter
Bpath Counter

fugaparaavitoria[arroba]gmail[ponto]com