terça-feira, janeiro 03, 2006

Os prós pelos contras

Ontem, no debate da RTP, assistimos a uma esquerda que já nem tem imaginação para ser pró, quanto mais do contra.

4 Comments:

Blogger Luís Marvão said...

E as fórmulas insondáveis do Boaventura Santos.
Agora, para sermos de esquerda, temos de ser fiéis do sector privado não lucrativo, espécie de comunitarismo "alter-globalista".

2:17 da tarde  
Blogger Renato Carmo said...

Olá Luís, é bom ver-te nestas andanças!
Já suspeitava, e na segunda à noite tive a confirmação, o Boaventura levantou voo e anda a levitar por uma realidade que encontrou e que é só dele. Não teve uma única ideia concreta para Portugual. E até conseguiu estar ao nível da Filomena Mónica. Espantoso!

2:36 da tarde  
Blogger Luís Marvão said...

Sim, é verdade, os dois equivaleram-se na vacuidade.
Mas a soberba da Filomena Mónica é qualquer coisa por demais; a forma como disserta, do alto da sua cátedra, sobre as misérias dos seus humildes compatriotas.

Um abraço,

Luís Marvão

3:09 da tarde  
Blogger Zecatelhado said...

Ora bem!

Um @bração do
Zecatelhado

2:01 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Site Counter
Bpath Counter

fugaparaavitoria[arroba]gmail[ponto]com