sábado, fevereiro 11, 2006

Perdoa-me Vinícius

Porque hoje é Sábado
Há uma opa que pede uma contra-opa
Há muitos casamentos que ficam sem efeito
Há referendos por referendar
Há um plano que perdeu o eixo
Há o deficit que não pára de atormentar
Há muito investimento por investir
Há socialistas e socialistas
Há cidadãos em perpétuo movimento
Há uma tolerância que é anti-islamista
Há um cartoon atentado bombista
Há religião em demasia
Há liberdade, há liberdade?

“Hoje é sábado, amanhã é domingo
Não há nada como o tempo para passar.”

2 Comments:

Blogger Celso Martins said...

ah, poeta!

4:32 da tarde  
Blogger Renato Carmo said...

:))

4:47 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Site Counter
Bpath Counter

fugaparaavitoria[arroba]gmail[ponto]com