quinta-feira, novembro 03, 2005

O medo ao contrário

À direita, e ontem Constança Cunha e Sá, entrevistando Soares, insistiu nessa tecla, diz-se que a esquerda tem medo de Cavaco. Para dar consistência ao mito fala-se do número de candidaturas à esquerda, quatro, todas contra o professor de economia. Trata-se, claro, de uma baboseira, desde logo visando esconder a realidade inversa. Na verdade, o eleitorado de esquerda pode rever-se nas suas múltiplas tendências nos vários candidatos. Já a direita esconde-se inteirinha atrás de um homem apenas, que, sabemo-lo, não corporiza todas as inclinações do sector ideológico a que está efectivamente a dar voz. Isto sim é medo. Não o contrário.

2 Comments:

Blogger Luis M. Jorge said...

LOL. E a isso chama-se tapar o sol com a peneira. Devia haver um limite para o sectarismo, mesmo à esquerda.

11:35 da manhã  
Anonymous nuno sousa said...

Ó Corvo, é óbvio que as condições de Cavaco para vencer são boas. Não é isso que está em causa.

Agora, porquê que a direita à direita de Cavaco não se mexe?

12:08 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Site Counter
Bpath Counter

fugaparaavitoria[arroba]gmail[ponto]com