sábado, dezembro 10, 2005

O problema das expectativas

É preciso ser muito sectário para achar que Cavaco Silva ganhou ontem o debate contra Louçã. Com o tom certo e sem os irritantes moralismos em que é useiro e vezeiro, Louçã conseguiu fazer passar um discurso que qualquer social-democrata pode subscrever ao mesmo tempo que deixou escancarada a falta de ideias de Cavaco em tudo o que não diga respeito a finanças. Do casamento dos homossexuais (em que Cavaco não tem opinião) à política de imigração (em que tem uma caricatura de opinião), passando pelo discurso vago com que tratou a educação ou o problema da segurança social, foi notória a impreparação do preferido de dois terços dos portugueses. Claro que dez minutos depois, um císmico «Choque ideológico» entre a direita (Rui Ramos) e a direitinha (António Costa Pinto) já estava a convergir na ideia de que Cavaco se tinha safado bem. Começa a tornar-se evidente que, para a comunicação social portuguesa, Cavaco só vai perder quando sair de um debate em maca.

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

saudades do barnabé? é que tu foste um dos coveiros. Não o único nem o principal, mas talvez agora admitas que lutás-te contra o lado errado da lua.

4:22 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Site Counter
Bpath Counter

fugaparaavitoria[arroba]gmail[ponto]com