segunda-feira, dezembro 05, 2005

Posições clarificadas

O debate de hoje entre Cavaco e Alegre só serviu para uma coisa: clarificar objectivos. Tornou-se óbvio que Alegre só está interessado em acertar contas com Soares, não quer ser presidente. Pessoalmente, tenho pena. É um problema de ambição. Tanta moleza, tanta falta de convicção, tanta elegância e tão pouco combate só podem ser estratégicos. É certo que o dispositivo dos debates sem contraditório directo só favorece Cavaco, mas deixar passar, sem a mínima ironia, frases como «Eu quero ampliar a democracia», ou «eu quero ser uma força do desbloqueio» quase roça o conluio.

3 Comments:

Blogger Mr. MA said...

Eu percebo a ideia dos debates politicamente correctos, mas tenho pena de que eles se transformem neste triste marasmo. Não sei por que razão insistem em lhes chamar debates...

4:23 da tarde  
Blogger Carlos Alberto said...

Cooperação Estratégica, diz Cavaco.
Que sim, diz Alegre, pois o que os ume é o ódio a Soares.

O que move Alegre.

O que faz mover Alegre, não é derrotar Cavaco, pois como os seus próprios apoiantes afirmam "Cavaco vai ser Presidente da Republica” ver no Independente. O que o move, neste momento é apenas querer ficar à frente de Soares na 1ª volta.

Debate, não. Foi uma alegre e amena cavaqueira

O debate de ontem à noite, deveria ter decorrido, por comparação, como se fosse um jogo de futebol. Jogo esse, em que uma das equipas (Cavaco), partia em vantagem em golos marcados, e outra (Alegre) necessitava de marcar, para poder seguir em frente. O que eu vi, foi que a equipa que deveria estar ao ataque, remeteu-se à defesa, a outra satisfeita com o andamento do jogo, limitou-se a gerir o resultado, sem grande esforço.

Quando, finalmente, deveria ser contundente, jogando ao ataque, Alegre foi uma desilusão, pela benevolência em relação ao adversário. Parece que Alegre só sabe ser contundente para atacar aqueles com quem conviveu, durante 30 anos, e que agora por questões de táctica politica quer renegar. Afinal, alguém sabe que diferenças marcantes existem entre Alegre e Cavaco Silva? Eu não! É problema meu com toda a certeza.

Tendo em conta o espírito que parece reinar nas hostes do candidato Alegre, e como um apoiante de Alegre dizia no Independente, deste fim de semana, “Cavaco vai ser Presidente da Republica” – A direita lhe agradecerá a entrega da Presidência ao Sr. Cavaco Silva.

9:16 da tarde  
Blogger José Moreno said...

É bom não esquecer que, se houver 2ª volta, esta é uma "eliminatória" a "duas mãos". E o comportamento dos candidatos pode ser diametralmente oposto em cada uma delas. Neste momento Cavaco só quer ganhar à primeira volta; e Alegre só quer passar à segunda. Depois tudo pode ser diferente.

1:01 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Site Counter
Bpath Counter

fugaparaavitoria[arroba]gmail[ponto]com