domingo, janeiro 22, 2006

Lições

Não se pode inventar um candidato. Mário Soares não era o candidato «natural» em 2006. E o oportunismo de escolher o candidato mais forte revelou-se a maior fraqueza do PS. Dito isto, Mário Soares deu uma das maiores lições de combatividade às gerações mais novas (sim, estou a pensar em Guterres, Vitorino ou Constâncio) de que me lembro, e mostrou que o combate é uma causa por si só.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Site Counter
Bpath Counter

fugaparaavitoria[arroba]gmail[ponto]com