sábado, outubro 21, 2006

O PREC contra-ataca

Não resisto a este momento de divulgação de teor político-satírico:
"Acaba de sair o nº1 do PREC - Pensa Rosna Estica Corta, publicado na sequência do PREC – Põe Rapa Empurra Cai (número zero)
No Sábado 21 de Outubro às 18h o número será apresentado Lisboa, na Ouvê (Rua do Século, nº 78).
A sessão conta com leituras críticas feitas por leitores atentos mas não veneradores (entre os quais Acácio Barradas, Cristina Ponte e Pedro Caldeira Rodrigues) e com uma leitura encenada do «glossário de ideias fortes e fracas» Da Abrangência ao Zunzum que nasceu do ciclo Em Novembro é de Abril e Maio que me lembro, organizado pelo PREC – Põe Rapa Empurra Cai, em Novembro e Dezembro de 2005. (Ver capa e nota explicativa em
www.jornalprec.com)
O número do PREC que vai ser apresentado (32pp + um suplemento «Vive quem vive» de 8pp e uma capa de 4pp) tem como tema central «o trabalho e a preguiça».
Os textos são de Absinte Abramovici, Alberto Pimenta, António Preto, Armando Silva Carvalho, Cesar de Vicente Hernando, Diana Dionísio, Filomena Marona Beja, Francisco Martins Rodrigues, Gabriela Dias, Irene Flunser Pimentel, Jean-Pierre Garnier, João Bernardo, João Pacheco, João Rodrigues, Jorge Silva Melo, Lira Keil Amaral, Luiz Rosas, Mamadou Ba, Manuel Lisboa, Manuela Torres, Miguel Castro Caldas, Miguel Perez, Pedro Rodrigues, Pitum Keil Amaral, Regina Guimarães, Renato Roque, Rui Canário, Saguenail, Vitor Silva Tavares.
Inclui depoimentos orais e entrevistas com Artur da Fonseca, Gianfranco Azzali (Micio), Giuseppe Morandi, Jagjit Rai Mehta, Jerónimo Franco, Manuel Graça (Juba), Peter Kammerer.
As ilustrações são de Bárbara Assis Pacheco, João Alves, Sofia Lomba, Tiago Cutileiro.
Contém textos antológicos de Alexandre O’Neill, André Breton, Bertolt Brecht, João César Monteiro, Gabriel o Pensador, George Orwell, Georges Bataille, Irmãos Pleskianov, Juvenal Antunes, Raoul Vaneigem, etc.
Tem ainda uma página de «passatempos» e uma página de «notícias da nossa terra» e um folhetim
À apresentação em Lisboa seguir-se-ão outras:
- No Porto, na sexta-feira 27 de Outubro, às 22h, nos Maus Hábitos (R. Passos Manuel, 178, 4º - frente ao Coliseu)
- Em Coimbra, na quarta-feira 6 de Dezembro, às 18h, no foyer do Teatro Académico Gil Vicente
- Em Viseu, na quinta-feira 14 de Dezembro, às 21h 30 no Lugar Presente- Companhia Paulo Ribeiro (R. Cândido dos Reis, 1).
PREC Pensa Rosna Estica Corta"
Que se pode esperar mais para um fim-de-semana preenchido?
PS: só aditar que há nova dose, e das fortes, lá mais adiante: em Novembro e Dezembro, virá o ciclo «O trabalho dá preguiça. A preguiça dá trabalho» (em Lisboa, Porto e Tondela). Venha de lá essa preguiceira toda, em Outubro, Abril, Maio ou Agosto, em qualquer altura, em qualquer lugar.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Site Counter
Bpath Counter

fugaparaavitoria[arroba]gmail[ponto]com