sexta-feira, dezembro 01, 2006

Viva a bravo Esmolfe e as suas irmãs queirosianas!

Em vez do habitual rame-rame em torno duma data relativamente esbatida (a era de uniões europeias assim o dita), melhor se faria em promover a produção e biodiversidade nacional.
O meu contributo vai nesse sentido, recordando uma excelente reportagem de João Pacheco, com belas fotos de Rui Gaudêncio («Eles guardam o património do que comemos», Pública, 15/X, p. 44-56).
Poderia falar aqui de cherovias, criadilhas, farófias e outras iguarias que tais. Fico-me antes pela fruta, por ora. Sendo de há muito amante da maçã bravo Esmolfe, 100% beirã, fiquei com ganas de conhecer as outras variedades de maçãs elogiadas por Eça de Queirós e recordadas às novas gerações por Miguel Torga: a pardo-lindo, a camoesa e a malápio-de-Gouveia (todas referidas nessa reportagem). Só a poesia dos nomes já nos diz algo.
Um banco de sementes, designado por Rede Portuguesa de Variedades Tradicionais, está sendo construído pela Associação Colher Para Semear, formalizada em Março passado. Esta está sediada em Figueiró dos Vinhos (na Qt. do Olival, Aguda) e publica o boletim O Gorgulho. Insere-se num movimento internacional que visa preservar e pôr à disposição dos agricultores (e de suas comunidades) as variedades tradicionais locais ameaçadas pelas variedades seleccionadas e pelas grandes empresas de sementes (vd. aqui e aqui). Garante-se assim uma maior diversidade genética, bem como uma maior adaptação às condições locais, poupando-se no uso de químicos e no custo financeiro, pois as sementes híbridas obrigam os agricultores a comprar sementes anualmente.
Nb: já existe um estatal Banco Português de Germoplasma Vegetal (f.1977), mas sem sítio de Internet e cuja responsável, Ana Barata, defende a existência daquela rede, pois "«todo o esforço de conservação [do património genético] é pouco»" (idem, p. 46); imagens extraídas daqui; já agora, boas receitas de cogumelos e outros pitéus na Biorege.

2 Comments:

Blogger José Manuel Dias said...

Um bom post. Uma boa acção por Portugal. Abraço

11:04 da tarde  
Blogger evatrai said...

Bem-haja por este post, Daniel! Nós por cá esperamos no próximo ano poder dar notícias sobre um projecto de incentivo à exportação do que é nacional e bom. Até breve.

1:18 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Site Counter
Bpath Counter

fugaparaavitoria[arroba]gmail[ponto]com